01/02/2012

"Um amor de novela"


Capítulo 23 da 2ª Temporada.


POV- Lua

Depois de três exaustivos dias no hospital, finalmente posso retornar para casa. Era com grande pesar que eu assistia ao Arthur guardando os brinquedos, fraldas, mamadeiras, roupinhas e outros presentes para o bebê.

Quando ele pegou o sapatinho de bebê que eu comprara para contar a ele que iríamos ter um filho, entrei em desespero. Não conseguia parar de chorar. Queria me matar por ter perdido nosso filho. Meu noivo caminhou até mim e me abraçou.

“Lua, teremos outros bebês. Quantos você quiser. Ainda nem nos casamos. Vamos planejar o casamento, a lua de mel. Tenta esquecer o que já passou.” Ele fala, consolando-me.

“Eu jamais vou esquecer nosso filho.” Falo.

“Eu não quero que você esqueça, eu não vou esquecer. Mas, pelo nosso bem, devemos seguir. Tentar pensar em outras coisas.” Ele me fala.

Era verdade, faltava pouco mais de um mês para o nosso casamento. Inicialmente eu não conseguia ficar uma noite sequer sem chorar, mas ele fora tão atencioso comigo, e meus amigos e familiares nos apoiaram tanto, que eu aos poucos fui voltando ao normal.

POV- Arthur

Inicialmente o choque da perda do bebê fora horrível, tanto para mim quanto para ela. Lua inicialmente ficou distante de mim, não me deixava tocá-la, não se despia na minha frente, dormia muitas vezes abafando o choro com o travesseiro. Aos poucos a situação melhorou. Estávamos animados com o casamento. Já estava com a decoração, Buffet, DJ, iluminação, e salão acertado. A festa seria muito boa, e eu torcia que fosse inesquecível para a Lua. No dia do jantar de ensaio do casamento, alguns de nossos familiares e amigos próximos estavam presentes.

“Eu fico com vontade de rir, só de me imaginar entrando toda de branco numa igreja, com um padre parado no Altar. Acho tudo tão formal.” Fala-me ela.

“Podemos ver se o Chay não consegue fazer uma licença para nos casar, ficaria bem menos formal.” Falo.

“Não. Se fosse o Chay eu não conseguiria parar de rir.” Ela comenta. “e ele diria: Hey Monks, estamos aqui juntos para celebrar o casamento do Arthur, e da Lua. Brother, toma conta dela.”Ela fala imitando a voz do nosso amigo.

“Verdade. Acho que o padre é melhor. Não queremos correr o risco de você ter um ataque de riso, e não parar mais de rir. Não quero ser largado no altar.” Falo.

“Eu nunca o deixaria só.” Ela me fala, e nos beijamos.

POV- Lua

Quando faltava apenas dois dias para o casamento sou levada pelas Sophia e a Mel para um SPA. Lá passamos os dias nos preparando para o casamento. E quando retorno me hospedo na casa da minha mãe. 

Logo de manhã cedo vou para o salão, arrumo o cabelo, faço maquiagem, e etc. Tudo na companhia das minhas divertidas amigas. Quando finalmente chega a hora de vestir o meu vestido de noiva fico sem palavras, ele era mais que perfeito (VESTIDO: http://www.omwall.com/2011/01/07/halter-wedding-dress-perfect-dresses-for-your-special-day/halter-wedding-dress-ideas/

Ao entrar na igreja não consigo conter-me, seguro com força o braço do meu pai, e deixo escorrer uma lágrima do meu olho. Vejo o Arthur, ao lado do irmão e do Guga, no altar. Sua mãe estava lá também, assim como minhas irmãs,mãe, madrinhas e irmão. Então, quando finalmente acontece o que mais eu esperava sinto meu coração acelerar.

Continua..
Escrita por : Amanda

Um comentário: