22/03/2012

"Criminal"


1º Capitulo
POV's Lua Blanco.  

Sentada no sofa daquela enorme casa, eu simplesmente queria morrer, fugir, sumir. Ser rica é muito chato, ainda mais quando não pode gastar o seu proprio dinheiro. Bom, eu, Lua Blanco, sou a pessoa mais infeliz com a vida nesse mundo! Primeiramente, sou obrigada a ficqar noiva do idiota do Pedro, e agora, hoje tenho que ir a festa onde nos vamos comemorar o noivado com amigos e familia. 

─ Filha! - Ouvi a voz da minha mãe a me chamar. - Porque ainda não esta vestida?
─ A mãe...Eu não quero ir! - Reclamei.
─ Mas é uma festa para comemorar o seu noivado. - Ela disse.
─ Um noivado idiota, que eu fui obrigaa a concordar. - Me levantei e caminhei em sua direção - você sabe que eu não amo o Pedro.
─ Filha - Ela me olhou e balaçou a cabeça negativamente - Vá se trocar. Seu vestido esta em cima da sua cama!
─ Ta bom. - Sorri e subi as escadas em direção meu quarto.
 
Algumas horas depois.
 
Eu ja estava naquela vesta ridicula, olhando para todos os cantos para ver se encontrava um rosto familiar, mas nada. Pedro estava do meu lado falando com uns amigos seus, e eu apenas com cara de nada. Todos sorriam para mim e eu nem ligava.

─ Ei, que tal mostrar um sorrisinho Hein? - Pedro disse para mim, nem me virei para olha-lo ele era patetico. - Ei, olhe n meu rosto enquanto eu falar com voce - Ele me segurou pelo braço me  virou para ele, mas eu virei a cara, e ele, com a outra mão, segurou o meu queixo fazendo encara-lo, me soltei dele e sei correndo para o banheiro. Me olhei no espenho, algumas legrimas rolaram pelo meu rosto, sequei elas e repirei fundo, sei do banheiro e sorri ao ver Carla, uma amiga minha, mas somente acenei para ela. Andei um pouco pelo enorme salão e vi o Pedro falando com outra garota, muito perto. olhei para os dois e disse:
─ Vejo que não esta na esquina esta noite - disse para a garota, Pedro se desculpou para ela e me puxou para fora de la falando um monte.
─ Qual é o seu problema? - Ele perguntou e me deu um tapa, que me fez cair no chão. Do nada apareceu um cara e o mesmo deu um monde de socos no Pedro, depois um belo chute no estomago.
─ Você esta bem? - O cara, de olhos castanhos perguntou estendendo a mão para mim.
─ Estou. - Me virei e vi que ele se afastava. - Espere. - Dei um chute no meio das pernar de Pedro e fui atras do tal cara. - Quem é você?
─ Não te enteresa. - Uma garota respondeu por ele. Olhei para ela, loira, olhos azuis, ela era ate bonita.
─ Sophia - Um garoto moreno reprendeu-a, observei que tinha mais outras duas pessoas ali.
─ Vocês são criminosos! - Disse sorrindo, me lembrando que os vi semana passado na TV.
─ Hum, ela vê jornal.  - A tal da Sophia disse debochando.
─ Fala logo o que você quer.  - O cara que batei no Pedro pediu.
─ Simples, eu quero mudar completamente a minha vida. - Falei - Eu to cansada. Me levem com vocês!
─ Não, é serio, o que você quer? - O garoto moreno perguntou rindo.
─ Eu estou falando serio! - Disse.
─ Suba na moto. - Olhei para ele - Meu nome é Arthur. - Sorri e subi na moto.
─ Isso é serio Arthur? - Sophia perguntou.
─ Parece que é ne minha filha!  - Um outro garoto, que estava quieto ate agora falou.
─ Fica queito Chay - Sophia revirou os olhos e pegou outra moto.
─ Vamos Chay. - Uma garota morena chamou-o.
─ To indo! - Chay disse.
 
20 minutos depois em algum lugar.
 
─ Onde estamos?  - Perguntei.
─ Você esta no nosso esconderijo. - Sophia disse.
─ Sophia! - A morena disse  - Ela é assim mesmo. Meu nome é Mel.Esse é o Micael - Ela apontou para o moreno - E esse é o Chay. 
─ Qual é o seu nome? - Arthur perguntou.
─ Lua.  - Disse sorrindo, ele sorrio de volta. E que sorriso lindo.
─ Entra. - Micael pedio.  O lugar era bem escondido, e la dentro era bem aconchegante, tinha 3 quartos e uma sala.Alem de muitos armarios. Andei olhando tudo e abri um gaveta, la dentro tinha um arma, pequei ela e fiquei olhando-a.
─ Não mecha nas coisas. - Ele pegou a arma e quardou ela - depois eu te ensino usa-la.
─ Você precissa de roupas. - Mel disse. - Acho que alguma roupa da Sophia cabe em você. - Ela foi ate um Armario e pegou algumas roupas. - Toma, ja se trocar, não dá para você ficar de vestido o tempo todo. O banheiro é ali!  
 
Fui ate o banheiro tirei aquele vestido e coloquei a roupa, que era, uma calça bem justa, uma blusa branca com alguns desenhos e uma jaqueta de couro por cima. Sai do banheiro com o vestido dobrado na mão e coloquei em um lugar qualquer.

Continua...


13 comentários:

  1. ai que criminalidade rebeldiaca

    ResponderExcluir
  2. me lembrei do clipe da britney spears CRIMINAL gostiiii

    ResponderExcluir
  3. Ai mano essa web esta bazeada no Clipe da Britney Spears (Criminal) vejam esse clipe a história do começo é a mesma!!

    ResponderExcluir
  4. Nossa já de cara eu amei posta maisss

    ResponderExcluir
  5. GENTE ELA DISSE QUE A WEB IA SER BASEADA NA MÚSICA DA BRITNEY SPEARS!

    ResponderExcluir
  6. aff isso é um clip da Britney Spears nâo combina com o meu Thur e nem com a Lua muito menos com os rebeldes mas eu vou ver .

    ResponderExcluir