23/05/2012

"A Lucíola moderna"


Capítulo 26


Arthur leu a carta duas, três vezes. Ele, mesmo com o pedido que ela fizera, estava disposto a procurar a amada.

Ligou então para seu amigo, o Guga, e pediu que ele ajudasse a desvendar mais sobre a historia da Lua.
Foi assim que ele descobriu que a mesma estava morando numa antiga chácara, não muito longe do Rio de Janiro.

Ele então saiu a procurá-la, batendo de porta em porta, até descobrir onde ela morava.

Lua esperou Anna chegar, e ao recebê-la novamente em casa, não pode conter suas lágrimas.

“Lua!” Gritou Anna.

“Anninha!” Gritou a loira, abraçando-a.

As duas passaram o final de semana conversando. Lua não revelou a ela sobre seu passado como prostituta, apenas contou sobre seu grande amor com Arthur.

Uma semana depois, enquanto Lua passeava pelo jardim, e chorava ao lembrar-se de Arthur, ela ouviu uma voz chamá-la.

“Lua!” Gritou Arthur.

“Arthur?” Ela falou, sem mecher-se.

“Deixe-me entrar!” Ele pediu.

Lua então falou:

“Arthur, vai embora, não quero que você seja mais um que prejudicarei.”

“Só irá me prejudicar se eu não puder ficar aqui com você.” Ele falou

Continua...
Escrita por : Amanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário