14/05/2012

"Simplesmente Rebelde"O fogo da paixão


69ºCapitulo
No Capitulo Anterior:

(Brian):Mais ainda vai demorar pra ela acordar,ou dar algum sinal de que irá acordar?
(Médica):Bom...como eu disse antes,pode demorar cerca de dias ou até mesmo meses...talvez ela acorde em cerca de minutos...
(Diego):Quer dizer que ela pode acordar tipo agora...?
(Médica):Pode...mais é dificil disso acontecer...nóis vamos fazer o possivel pra ela sair dessa!Mais agora,eu tenho que atender outro paciente...se me dão licença...-Ela disse indo até a porta,e eu apenas balancei a cabeça fazendo ela sair logo em seguida...
(...)
3 dias depois...
Pov Diego
Estava voltando pro hospital,como fazia todo final de tarde...
Eram quase 18:00 horas...
Como eu disse,eu estava voltando pro hospital...tinha ído pra casa para tomar um banho e comer alguma coisa,como tinha feito nesses 3 dias que se passaram...
3 dias sem olhar para os olhos da Roberta...
3 dias sem ver ela dar aquele sorriso que é só dela...
3 dias que ela ainda estava em coma...os médicos disseram que tinha havido um progresso dela nesse tempo,mais não consegui entender o por que dela não ter acordado ainda...
Brian e eu praticamente tinhamos vivido no hospital nesses 3 dias...
Nós revezavamos um horário:Ele ficava durante o dia e eu durante a noite...Sendo que eu dormi no hospital 2 dias e o Brian apenas 1...
Eva havia ficado muito abatida com toda essa historia,e Brian,como membro da familia,passou um bom tempo fazendo visitas pra ela...
(...)
Havia acabado de entrar no hospital...Brian já estava me esperando na recepção...
Mais um dia estava terminando...
(Brian):Então...eu vou passar essa noite aqui,parece que a Roberta fez alguns movimentos....-Ele disse assim que cheguei perto do proprio.
(Diego):Sério?Quando foi isso?
(Brian):Agorinha pouco,eu estava no quarto,e ela mexeu o dedo...eu chamei os medicos que me tiraram do quarto pra cuidar dela...
(Diego):Então ela acordo?
(Brian):Não...ainda não...mais eu acho que em cerca de minutos ela pode acordar!-Ele disse com um sorriso no rosto.
(Diego):Alguma médica dela está por aqui?-Eu disse olhando em volta...
(Brian):Não...por que?Queria saber mais da Roberta...?
(Diego):Tambem...eu queria perguntar sobre a Lua...teve noticias dela?
(Brian):Sim,sim!Uma pediatra avisou que a Lua está bem,e que em cerca de 2 dias estará pronta pra ir pra casa...
(Diego):Ótimo!-Eu disse sorridente...
(Diego):Será que vai demorar muito?-Eu disse depois que havia se passado alguns minutos...
(Brian):Voce pergunta a mesma coisa de 1 em 1 minuto cara!Relaxa...
(Diego):Impossivel...-E era verdade,era impossivel relaxar,sendo que a Roberta poderia acordar a qualquer momento.Eu ia falar mais alguma coisa,quando uma mulher ,provavelmente uma infermeira,se aproximou de nós.Ela era uma mulher bonita,de aparentemente uns 20 anos...era magra e tinha um cabelo moreno repicado,um pouco abaixo do ombro,e em seu crachá,o nome:Luciana.
(Enfermeira):Voces são parentes da Roberta Messi?-Ela disse conferindo uma prancheta que estava em sua mão.
(Diego):Sim!
(Enfermeira):Me acompanhem por favor...-Ela disse apontando para o quarto da Roberta...e fomos até lá,assim que chegamos na porta,ela nos deixou lá e foi ver algum outro paciente...antes de abrir a porta,fiquei parado a encarando,meu coração estava dando pulinhos mesmo sem saber o que encontraria quando abrisse aquela porta...Depois de cerca de segundos,apenas senti o toque de Brian em meu ombro,me encorajando a seguir em frente,e foi o que eu fiz...

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário