22/06/2012

"Lock and Key"


Capítulo 47 e 48


POV- Arthur

No beijo da piscina constatei duas coisas, era necessário dar um fim ao meu namoro com a Pérola e eu precisava ter a Lua para mim.

Não tive a chance de falar com a Lua após a gravação, pois o nosso diretor e cena chamou-me para conversar e depois eu não achei-a mais. Provavelmente ela correra para arrumar-se para sair, afinal já estava tarde.

Quando estava prestes a chegar no estacionamento, vi a Lua chegando em seu carro. Chamei-a, mas ela não me respondeu. Corri até onde ela estava e só então consegui a atenção dela.

“Lua, nem pude dar tchau para você. Correu como uma bala para o camarim trocar de roupa.” Falei, fazendo-a rir.

“Desculpa, eu estava fugindo do frio.” Ela comentou. Estranhamente, me pareceu que ela estava na verdade fugindo de mim, mas isso não faria sentido.

“Você quer sair para jantar? Posso apostar que está com fome.” Comentei.

“Estou mesmo, mas hoje não posso sair.” Comentou ela.

“Tem planos?” Perguntei, já imaginando o namorado secreto dela.

“Vou passar a noite no hospital com meu avô.” Ela falou.

Não respondi nada, quase me esquecera que o avô dela não havia saído do hospital ainda. Ela despediu-se de mim e entrou no carro.

Quando cheguei em casa, vi que a Pérola não estava em minha casa, provavelmente decidira dormir na própria casa. Eu e ela estávamos quase sempre dormindo juntos, mas às vezes parecia que não éramos namorados, pois não havia muito contato físico ou dialogo.

No dia 20/03/2011 houve a festa de abertura da novela. Quando cheguei, acompanhado do Chay, ficamos esperando as meninas. Repentinamente vi minha boca cair ao chão, as três arrumaram-se juntas, e estavam de tirar o fôlego de qualquer um. Chay e Sophia fingiram ser apenas amigos, para despistar a imprensa e eu fiz o mesmo com a Pérola.

Como tivemos que tirar muitas fotos de casais e dar entrevistas, acabei ficando a noite toda ao lado da Lua. Quando a festa acabou, a loira sugeriu algo irresistível a todos.

POV- Lua

Não conseguia compreender o Arthur. Ele estava namorando a Pérola, mas quando encontrou-me chamou-me para sair, não que eu visse segundas intenções, mas qual o namorado que prefere sair com uma colega de trabalho à própria namorada? Eu teria aceitado, mas naquela noite eu iria ficar com meu avô.  Cada dia as gravações, entrevistas e fotos eram mais e mais comuns. Em uma das entrevistas, como de costume, Arthur brincou comigo, dizendo que eu era o que sobrara para ele. Mel, entrando na brincadeira, disse “Quem desdenha quer comprar.” Quando minha amiga falou isso, quase me engasguei.

No dia da festa da novela, tiramos tantas fotos e fizemos tantas entrevistas, que eu sequer tive a chance de comer. Como eu reparara, ou ao menos imaginava que meus amigos também não haviam comido nada, chamei-os para irem até minha casa fazer um lanche. Fomos em dois carros, em um fora eu, Chay e Sophia, enquanto no outro forma os três que sobraram, juntamente com Pérola. Em minha casa, Sophia perguntou se eu possuía removedor de maquiagem.

“Tenho, pode pegar no meu quarto.” Falei,

“E aonde fica o seu quarto?” Perguntou-me ela.

Como eu estava de boca cheia, Arthur fez o favor de responder onde ficava, mas isso levantou algumas perguntas.

“Arthur, como você sabe onde fica o quarto dela?” Perguntou Pérola, desconfiada.

Engoli em seco aquela pergunta, pois ninguém ficara sabendo da vez que ele atacara-me achando que eu era uma ladra,e muito menos ficaram sabendo do nosso beijo.

Capítulo 48

POV- Arthur

Quando eu falei que sabia onde ficava o quarto da Lua não imaginei as consequências, por sorte minha amiga era rápida e resolveu toda a historia em três segundos: “Pérola o Arthur não contou para você? Ele veio ensaiar comigo e viu o portão aberto. Como eu não respondi a campainha ele achou que havia um ladrão na casa. Entrou aqui, saiu revistando todos os cômodos, até ver uma pessoa passando na pontinha do pé de um quarto ao outro. Coitadinho, Arthur para herói não serve, pois quem passava de um quarto ao outro era eu. Ele atacou-me como se eu fosse a ladra. Foi assim que ele conheceu minha casa inteira sem ser convidado. ” Ela falou rindo.

“Verdade, eu não contei porque bastava a Lua me infernizando com essa historia, você também eu não ia aguentar.” Eu falei.

Pérola acreditou na história, que na realidade era verdade, mas faltou alguns detalhes (Lua de toalha, a gente se beijando, ela sem toalha e etc.

“Ah amorzinho cuticuti, não se preocupa, você ainda é meu herói.” Pérola falou beijando-me.

Pude notar o olhar do Chay para mim, mas não me importava, a única coisa que eu queria era que Pérola não soubesse de nada. Era errado o que eu fazia, mas eu estava realmente tentando esquecer a Lua.

POV- Lua

Consegui fazer com que a Pérola não suspeitasse da traição. O nosso lanche noturno seguiu cheio de gargalhadas e piadas.  Parecia que a cada dia Arthur e Pérola estavam mais próximos entre si e de assumir que estavam namorando. Em menos de uma semana houveram dois momentos que eu quis me atirar de um penhasco, um deles foi no dia primeiro de abril (parece mentira né? Haha, mas não é) Arthur e sua amada não desgrudaram num evento, e no dia 6 jornais começaram a publicar que eles estavam namorando.

Quando saiu aquilo no jornal não tive dúvida, eu precisava desapegar. O namoro deles estava mais forte a cada dia. Houve apenas um dia entre 20/03 e 10/04 que eu compartilhei o mesmo sentimento que a Pérola, esse dia foi o dia que o Arthur beijou a Raiana, mas por sorte eu também beijei o Bê. Gravar a cena com o Bê foi muito difícil, pois toda vez que começávamos a gravar ou eu, ou ele, começávamos a rir.

POV- Arthur

Eu estava decidido a confirmar que estava namorando a Pérola quando as coisas começaram a ficar estranhas. Parecia que não aguentávamos mais um ao outro. Brigávamos sempre que estávamos a sós.  

Tudo piorou ainda mais quando contei tudo para Lua. Ela consolou-me, e eu não resisti, beijei-a. Ela não respondeu ao beijo, apenas disse: “Arthur, não posso dar uma chance a você enquanto a Pérola for sua namorada.” Apesar dela ter dito isso, no dia que gravamos o segundo beijo na piscina dos nossos personagens ela quebrou sua palavra. Tudo começou com o beijo na piscina e acabou com nós dois sozinhos...

Continua..
Escrita por : Amanda 

2 comentários: