12/06/2012

"My first love"



Capitulo 49 e 50


POV Lua

            Dar de cara como Arthur logo no inicio da festa lindo daquele jeito era crueldade. Ele tava com um jeans básico, com uma camiseta preta e por cima uma camisa de botão xadrez cinza com preto deixando-o ainda mais charmoso e de All star. Com aquele sorriso lindo no rosto que só ele tinha, desse jeito o meu namoro com o Theu acaba antes de começar direito.
            Já estamos juntos a 4 meses oficialmente, mais de um ano de rolo e mesmo assim não conseguia esquecer meu primeiro amor, já conseguia encara-lo hoje em dia, mas o coração ainda ficava saltando quando ele se aproximava.
            Festa rolando, todos no jardim, Mica e Soph no maior papo e o Thur e o Chay apostando pra saber se eles ficavam ou não, o Thur garantindo que ficaria e o Chay falando que ele não teria coragem. Chay não saiu da nossa mesa nem pra falar com as garotas que estavam na festa, o tempo que não falava diretamente com o Arthur puxava papo com a Mel, o que só deixava Arthur cismado e sem querer sair dali também.
            Brinquei com Arthur falando pra ele parar de vigiar a Mel, afinal pra mim também era desconfortável essa proximidade toda dele estando com o Matheus do meu lado. Ficava sem jeito, mas o Chay propôs primeiro.
             - Pode ir da uma volta Thur, eu mesmo fico de olho – falou com aquela carinha de safado que só ele tem.
            - Eu to de olho é em você cara! Está de olho demais em minha opinião. Ela não é pra teu bico não! – Arthur respondia enciumado, como era linda aquela carinha.
            - Relaxa né Arthur, sei me cuidar sozinha – Mel falava incomodada.
            Eu e Theu só dávamos risadas da situação.
            - Você fala assim porque você não conhece o Chay, se você ficar com ele uma única vez, não te larga nunca mais, é muito espaçoso – falava Thur ainda com ciúmes.
            Chay, eu e Mel nos entreolhamos e começamos a rir deixando Theu e Arthur sem entender.
            - O que foi linda? Por que ta sorrindo desse jeito? – Theu me perguntou me abraçando pelo ombro.
            - Nada, se Mel quiser ela conta – falei baixinho só respondendo ele, mas Arthur ouviu.
            - Contar o que? Não entendi ainda Mel, pode explicar ou eu vou ficar aqui com cara de palhaço? – Thur começava a ficar nervoso.
            - EleNãoGrudaNão! – Mel falou rápido e fechando os olhos como se esperasse a bronca.
            - Como é que é? Eu entendi direito? – ele arregalava os olhos em cima do Chay.
* * *

Capitulo 50

            Chay não se aguentava com aquela situação.
            - É cara, a gente já ficou. Pronto falei! – Chay tentava se explicar.
            - E você me diz isso nessa calma Chay?
            - Fato! – foi a única coisa que ele respondeu e eu dou risada novamente.
            - E você sabia? – Thur pergunta pra mim.
            - Desde o primeiro dia – respondi com vergonha por ter escondido dele, mas continuava achando muita graça daquela carinha de ciumento.
            - Primeiro dia? E isso é desde quando? – continuava o interrogatório.
            Theu saiu pra ir ao banheiro e me deu um selinho o que deixou Arthur desconsertado.
            - Desde quando? Podem me falar? – já falava mais calmo.
            - Pouco depois que a gente se conheceu – Chay já falava segurando a mão de Mel.
            - Foi num domingo aqui na casa da Lu – Mel respondeu também.
            - Foi no domingo do churrasco depois do meu aniversário – falei sendo mais precisa.
            - Anotou a data em Luinha? – Chay brincou.
            - Não Chayzinho é porque aquele aniversário marcou muito pra mim – respondi séria olhando pro Thur.
            - Nenhum deve ter marcado tanto quanto o ultimo né?! Pedrão abrindo a guarda, permitindo o namoro, nem acredito que perdi isso! – Chay brincava.
            - Não, aquele marcou mais – respondi olhando boba pro Thur novamente.
            - Marcou? – Thur me perguntava com um sorriso torto como se não acreditasse no que ouvia.
            Consenti com a cabeça.
            - Epa! Nem vem da bronca seu Arthur que eu acabo de confirmar que minha suspeita não era loucura da minha cabeça como vocês me fizeram acreditar por todo esse tempo. Vocês dois também... Já rolou alguma coisa ai! – Chay apontava pra nós dois.
            - Como assim amiga? Você foi minha cunhada e nem me contou nada? – Mel falava furiosa.
            - Preciso falar com o Pedro – Chay brincava como se procurasse por ele.
            - Ei! Depois a gente conversa certo! Theu deve ta voltando e não quero ter que explicar pra ele.
            - Explicar o que Lua? – Matheus pergunta chegando por trás de mim.
* * *
Continua...
Escrita por  : Nana F

3 comentários:

  1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
    A lua podia falar assim: EU NÃO TE AMO TEU BURRO, EU AMO O ARTHUR NÃO DEU PRA TU VER NÃO? SEU CORNO!

    ResponderExcluir
  2. véi, to concordando com a Maile aí em cima!

    ResponderExcluir