14/07/2012

"A apaixonada Sophia." - Entrevista da DM com Sophia Abrahão


DM: Qual é a melhor coisa de namorar o Micael?
S: São tantas coisas boas (risos). O Micael é minha força, meu porto seguro. Quando acontece alguma coisa é ele que me escuta. Ele é o máximo! Atencioso, carinhoso, bem-humorado e lindo!
DM: O que você já aprendeu sobre relacionamentos e acha que toda garota deveria saber?
S: O principal é ter paciência. É péssimo falar tudo oque pensa sem se preocupar se está magoando a outra pessoa. Temos que cuidar do nosso namoro com toda atenção, como se fosse sempre o primeiro dia.
DM: Você tem bastante paciência?
S: Confesso que às vezes me falta! A intimidade nos torna impacientes e menos compreensivas de vez em quando. Mas sempre alguém tem que ceder, então, por que não nós de vez em quando?
DM: Se você pudesse sentar com a Alice e dar algum conselho pra ela, qual seria?
S: Eu diria para ela se divertir mais, sem pensar no que os outros vão achar. A Alice se importa muito com a opinião alheia.
DM: Você sempre posta do Instragam (@sophiaabrahao) fotos do seu look do dia. Quanto tempo passa escolhendo uma roupa?
S: Eu sou superprática, normalmente penso nisto durante o banho e já saio do chuveiro sabendo exatamente o que pegar no armário. É claro que há aqueles dias em que a gente começa a jogar todas as roupas pro alto. Sabe quando nada que você coloca fica bom?
DM: Claro que sabemos! E você faz o que nestes dias?
S: Aí eu dou uma olhada nas minha referências. Eu salvo todos os looks que vi na internet e curti no meu celular. Assim, quando eu tenho esses brancos, corro para estas fotos e tenho no que me inspirar.
DM: Qual é a sua peça - desejo de inverno?
S: Nesta estação, um tecido que eu amooo está super em alta: o veludo. Para a minha alegria, ele veio com tudo. Eu vi em uma revista de moda uma calça justa de veludo vinho, me apaixonei! Agora quero uma!
DM: O que você tem no seu armário que não consegue parar de usar?
S: Eu tenho um short jeans velhinho que eu não me desfaço de jeito nenhum! Ele deve ter uns cinco anos e está bem surradinho, mas eu uso mesmo assim. Tanto em ocasiões mais casuais quanto em alguma festinha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário