20/07/2012

Juntos até o fim! Relembre alguns dos melhores momentos da amizade entre os rebeldes.


Se tem um grupo em que a amizade sempre fala mais alto, esse grupo é o dos rebeldes. Inseparáveis, eles já passaram por diversos momentos marcantes. E, como já diz a música, eles tem tudo para continuarem Juntos até o Fim!


É, quando Pedro levou seu violão ao Elite Way, ninguém podia imaginar que ali, no porão do Elite Way, nascia não só uma banda de sucesso, mas um grupo de amigos para todas as horas.


Dos primeiros ensaios ao primeiro show, foi um pulo. O palco? O humilde, porém, inesquecível restaurante do Genaro.


Conforme a amizade crescia, a banda evoluia e ganhava novos palcos. Entre os melhores momentos dessa turma, com certeza está o primeiro megashow. Ou você já se esqueceu de quando eles abriram o show de Eva Messi? Foi demais!


Se eles enfrentam juntos as apresentações da banda, não poderia ser diferente com o assédio dos fãs. Até algazarra na frente do colégio eles fizeram. Os Rebeldes adoraram!


Quem diria que aqueles três iriam se tornar tão amigos? Em um dos primeiros encontros do "trio ternura" do Elite Way, Diego e Tomás ajudaram Pedro com sua moto, usada para invadir o colégio durante a festa de boas-vindas aos alunos.


Se era difícil pensar em uma amizade entre Diego, Tomás e Pedro, imagine entre as meninas? Alice, Roberta e Carla penaram, mas, aos poucos, descobriram que suas diferenças não superam o carinho de uma pela outra. Fofas!


Unidos por um forte laço, os rebeldes mantém uma amizade praticamente inabalável. Azar do Jonas, que fica maluco com os questionamentos da turma.
Afinal, antes dos rebeldes, dirigir o Elite Way devia ser tarefa mais fácil. Ou você acha que o diretor adora protestos? Lembra-se de quando os rebeldes se levantaram contra a saída de Vicente do colégio? "Ser rebelde é..."

Além da manifestação contra a saída do professor, rolaram diversos protestos. O vídeo de reclamação contra as regras de Jonas foi um sucesso. Ideia dos rebeldes, é claro!


Mas nem de protestos e shows vivem os rebeldes. Como todo grupo de amigos, eles adoram viajar juntos. Belo Horizonte jamais será a mesma depois deles!

Eles mesmos jamais seriam o que são, se não fosse o poder da amizade. Ou você acha que Diego conseguiria largar a bebida sozinho? É, amigo também é necessário nos momentos difíceis.


Alice que o diga! Quando o namoro de PeLice chegou ao fim, a rebelde encontrou um ombro amigo em Roberta.


Os rebeldes são amigos para rir, chorar e se aventurar! Carla sabe muito bem disso e acompanhou Pedro em uma viagem a Saquarema. O motivo? Descobrir quem estava passando trotes ameaçadores pra casa do rebelde. Eles só não contavam com a presença de Herculano e seus capangas. Quase apanharam!



Recentemente, o sequestro das rebeldes deu o que falar. Unidas, elas ficaram juntas até o fim. E olha que Roberta teve a oportunidade de fugir. Mas quem disse que uma rebelde abandona a outra? Nada disso!


Espertos, os rebeldes tiram os problemas de letra. Instrumentos destruídos? Sem problema! Os amigos fazem uma feira e compram tudo de novo.


Binho e suas armações também são fichinha para os rebeldes. Eles podem até se complicar um pouco, mas, no fim, o vilão sempre se dá mal. Afinal, quando provocado, o grupo de amigos atropela, passa por cima, estapeia e não dá mole. Aprendeu, Binho?


De vez em quando também sobra uma mão na cara do amigo. E não poderia ser diferente. Afinal, brigar também faz parte da amizade, não é mesmo? Roberta e Alice são exemplo disso. Sempre se bicam, mas acabam se acertando.


Depois de relembrar tantos momentos incríveis, fica fácil entender de onde vem toda energia e sintonia que a banda tem em cima do palco. É muita amizade!

Coroando tudo isso, a banda recebe o reconhecimento de seu trabalho ao ser convidada para participar do Melhor do Brasil. Quer momento melhor? Depois dessa, até o Faro quer entrar pra essa turma, que, pelo jeito, vai permanecer juntos até o fim!

Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário