07/07/2012

"Lock and Key"


Capítulo 25


POV- Lua

Quando cheguei em casa corri para o banheiro. Lá arrumei meu cabelo, escovei novamente os dentes e retornei ao quarto. Peguei na bolsa um chiclete e decidi aproveitar o tempo sozinha para olhar as notícias.

Não tive sequer dois minutos de paz. Enquanto olhava minhas mentions no twitter, encontrei uma noticia que alegava que eu estivera emburrada na festa por causa de uma briga com meu ficante.

Fiquei com muita raiva, sabia que a bomba ia acabar sobrando para mim. Quando o meu namorado chegou em casa, eu estava a mil por hora.

Andava de um lado para o outro da casa.

“Arthur, adivinha! Já estão falando que eu estava emburrada na festa por causa de uma briga com meu ficante, ou seja, com você!” Falei.

“Calma Lua.” Ele falou, com o mesmo sorriso de sempre.

“Arthur você não entende, isso é horrível! Essas mentiras, fofocas, notícias irão acabar com a gente. Não tem como nosso namoro durar com tudo isso, simplesmente não tem.” Falei.

“Lua, tem sim, sabe por que?” Ele perguntou.

“Como senhor mágico?” Perguntei, em EXTREMO mal humor.

“Por que se você me amar tanto quanto eu amo você nada irá nos separar.” Ele falou.

Arthur acabara de dizer que amava-me? Eu ouvira certo? Eu não estava louca? ELE NUNCA TINHA DITO AQUILO!!!!

POV- Arthur

Lua encontrava-se super chateada quando cheguei na casa dela.

“Arthur, adivinha! Já estão falando que eu estava emburrada na festa por causa de uma briga com meu ficante, ou seja, com você!” Falou, fazendo uma careta muito engraçada.

“Calma Lua.” Falei.

“Arthur você não entende, isso é horrível! Essas mentiras, fofocas, notícias irão acabar com a gente. Não em como nosso namoro durar com tudo isso, simplesmente não tem.” Falou,toda tristonha.

“Lua, tem sim, sabe por que?” Perguntei, já sabendo o que ela responderia e o que eu declararia logo em seguida.

“Como senhor mágico?” Perguntou, em EXTREMO mal humor.

“Por que se você me amar tanto quanto eu amo você nada irá nos separar.” Falei, admitindo pela primeira vez que amava-a.

Ela olhou-me em choque, e eu fiquei com medo. Será que ela ia dizer que amava-me? Será que ela amava-me? Mas se me amava, por que estava demorando tanto a responder?

Continua...

4 comentários: