09/07/2012

"My first love"




Capitulo 133 e 134


            Ficamos mais alguns minutos ali enquanto nos recuperávamos. Quando resolvemos entrar notei que ela ficou um pouco envergonhada por está sem a parte de cima do biquíni, e procurava em volta de onde estávamos com certa aflição. Pra evitar constrangimento ofereci minha blusa enquanto ela procurava, e ela aceitou sem nem pensar duas vezes e logo a vestiu.
            Ela pegou as outras peças de roupa dela e veio andando em minha direção pra finalmente irmos pra dentro de casa. Eu a abracei de lado e fomos andando. Ao entrar ela parou na minha frente já na sala iluminada, e me deu um selinho me abraçando e recostando a cabeça em meu peito.
            - O tempo podia parar agora! – ela fala com uma voz suave.
            - Eu ia ser a pessoa mais feliz do mundo – a respondi começando a beija-la novamente.
            Ao sentir que o beijo começava a esquentar, ela mesma finalizou-o com selinhos e foi se afastando.
            - Acho melhor a gente ir tomar banho, ainda estou toda molhada da piscina e... – era engraçado vê-la aflita daquele jeito, e eu a interrompi.
            - Claro, vamos tomar banho sim – falei a puxando em direção a escada quando a percebi com uma cara assustada e completei a frase – Cada um em um banheiro. Depois nós descemos pra comer se quiser.
            Ela apenas sorriu e concordou assentindo com a cabeça. Entrei no meu quarto enquanto ela foi para o da Mel. Tomei meu banho sem conseguir parar de pensar em tudo que tinha acontecido. E o pior é que isso só me fazia ter mais certeza ainda de que seria extremamente difícil ficar sem ela aqui.
            Terminei meu banho, vestir uma roupa leve, afinal só íamos comer e provavelmente subir pra dormir mesmo. Ao sair do quarto escutei que o chuveiro dela ainda estava ligado e resolvi descer logo pra terminar de ajeitar nosso jantar na cozinha. Eu era um desastre na cozinha, não fazia praticamente nada, mas devido a minha mãe viajar muito, trabalhar praticamente o dia inteiro e as folgas inesperadas da empregada, eu tive que aprender a me virar com comida de micro-ondas e macarronada, minha especialidade! Especialidade pra me engrandecer mesmo, digamos que aquilo ali era algo comível.
            Ao terminar de arrumar tudo direitinho, tenho a visão do paraíso na porta da minha cozinha...
* * *

Capitulo 134

POV Lua

            Não tinha nem como descrever aquilo que eu tinha acabado de sentir com ele me beijando e me acariciando daquela forma. Tinha certeza que visitei as estrelas e voltei pro meu corpo novamente. Não era normal.
            Fiquei com vergonha depois daquilo tudo, ele me olhava de uma forma estranha, e me deixava um pouco constrangida com as coisas que fiz e tive coragem de falar pra ele. Entramos, fomos tomar banho, e a imagem dele por cima de mim me beijando inteira não saia da minha cabeça. E o simples fato de lembrar daquilo me fazia ter arrepios novamente.
            Entrei logo no chuveiro e tomei um banho demorado. Meu corpo estava leve, uma sonolência incrível se apossava de mim. Sair de debaixo daquela ducha quente porque não tinha outra solução. Sequei-me, vesti minha camisolinha de malha – nada de pijaminhas indecentes hoje, era arriscado demais – penteei meus cabelos, e desci pra encontra-lo na cozinha. Juro que por mim eu cairia na cama e dormiria logo, mas além dele está lá me esperando, eu também estava com fome.
            Ao entrar na cozinha vi que ele me olhava ainda com cara de bobo.
            - Você me olhando assim me deixa sem graça – falei sorrindo e sentindo minhas bochechas corarem.
            - Desculpa, mas é involuntário. E você assim sem graça fica ainda mais linda – ele falou se aproximando e fazendo carinho no meu rosto.
            Demos um selinho demorado, e fomos comer. E não é que a macarronada do Senhor Arthur Aguiar estava realmente gostosa? Apesar dele não acreditar nos meus elogios e achar que eu só falava aquilo pra satisfazê-lo. Terminamos de comer deixamos as coisas pra arrumar amanhã, pois estávamos cansados. Ele me pegou no colo e subiu comigo até o quarto.
            Ao deitarmos não demorou muito pra pegarmos no sono. Foram apenas alguns beijinhos, declarações e dormimos abraçadinhos. Era encantador ficar daquela forma com ele. Que os meus pais nunca sonhe com isso!
            No domingo ao acordar com a claridade já entrando no quarto pela fresta da cortina mal fechada vi que ele ainda dormia. Olhei no relógio da mesinha de cabeceira e vi que era apenas 8:30 da manhã. Forcei pra levantar meu corpo, mas os braços dele estavam me prendendo pela cintura. Ao me movimentar ele me prendeu ainda mais sem nem acordar. Meu príncipe era lindo até dormindo, mas eu precisava ir ao banheiro e tive que utilizar de “golpe baixo” pra conseguir isso. Comecei a fazer carinho no rosto dele e ele logo abriu um sorriso.
            - Bom dia minha pequena! – falou mal abrindo os olhos.
            - Bom dia meu príncipe! – respondi dando um selinho nele – Preciso levantar, pode ser?
            - Ah não! Fica aqui comigo – ele não abria nem o olho, e falava cheio de manha – Garanto que tá cedo ainda.
            - Ei! Eu também quero ficar aqui, mas preciso ir ao banheiro. E sim ainda é cedo – falei dando risadas e ele me soltou.
            - Vou contar até dez e você tem que está aqui de volta ou então eu levanto pra te buscar – ele finalmente abriu os olhos e me soltou, me puxando pra um beijinho que cortei logo.
            - Obrigada por avisar! Vou me lembrar de trancar a porta – falei me levantando e entrando no banheiro.
            Não demorei nada é claro, e voltei pra cama pra me deitar ao lado dele. Por mim passaria o dia inteiro naquele quarto, mas sei que não seria possível. Além de termos que ir buscar as meninas, eu tinha que voltar pra casa, minha mãe voltava hoje e eu ainda tinha que conversar sobre a viagem.
* * *
Continua...

8 comentários:

  1. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  2. eu estou VICIADA nessa web,ela esta muito boa
    posta maissssssssssss!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ENTAO SOMOS DUAS,EU TIPO PIRO COM ESA WEB .É MUITO REALISTICA,EU FICO RINDO,CHORO ,SEI LA EU AMO ESSA WEB

      Excluir
  3. http://luarsintonialuarquaseteen.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Gente essa web é a melhor q já li
    Muito boa.
    Nana eu queria saber em q ano 'supostamente' esta a web e em q ano mais ou menos vai ser o casamento do Arthur(q é descrito na sinopse)
    Beijos ... e Parabéns

    ResponderExcluir
  5. http://web-luar-amoryfoto.blogspot.com.br/
    entrem pfff

    ResponderExcluir