18/07/2012

"Simplesmente Rebelde"O fogo da Paixão



119ºCapitulo
No Capitulo Anterior:
(Diego):É...voce tá muito preocupada com ela...e voce sabe que não tem necessidade...a Alice e a Carla também são mães e elas estão cuidando muito bem da Lua.
(Roberta):É,eu sei.Mais eu fico preocupada.Nunca se sabe o que pode acontecer...e,eu não sei o que eu faria se acontecesse alguma coisa com a minha pequena...
(Diego):Falou como uma legítima mãe...-Ele disse rindo e me dando várias selinhos...
(Roberta):Bobo...-Ele disse franzindo o cenho;
(Diego):Boba...-Ele disse fazendo o mesmo...e mais uma vez,em cerca de segundos,já estavamos nos beijando novamente...

(...)
-
(...)
 
 
-No dia Seguinte-
 -7:00h da manhã-
.Pov Roberta.
 
(Diego):Ei dorminhoca......-Diego me chamava.-Tá na hora de acordar...
(Roberta):Ainda é cedo...e eu quero dormir...-Eu disse me virando pro outro lado,tentando escapar dele.
(Diego):Eu sei que é cedo.Mais voce precisa levantar...-Ele disse descobrindo as minhas pernas,provavelmente para me irritar.
(Roberta):Nãão...-Eu gritei histéricamente e cobri novamente as minhas pernas...
(Diego):Roberta Messi Maldonado...-Ele ameaçou...
(Roberta):Diiego...-Eu resmunguei novamente,e fui atacada com cócegas...-Tá boom!Eu levantoo!-Eu disse fugindo dele,e saindo da cama,e andando pro banheiro.
(Diego):Perae...-Ele me segurou...-E o meu beijo?
(Roberta):Coisa chata!-Eu disse dando um rápido selinho nele,e correndo para o banheiro em seguida.

Pov Roberta
Ai como eu odeio acordar cedo...
Simplesmente odeio,não sei o por que...mais odeio!
Levantei de cara amarrada,e pretendia ficar assim o resto do dia,já que,sempre que acordava mal,ficava mal o resto do dia...infelismente peguei esse costume da minha mãe...
Fui ao banheiro,fiz minhas necessidades matinais,e depois tomei uma ducha bem gelado,já que,em Florença,o clima sempre era quente e seco,quer dizer,na maioria das vezes...
Vesti uma calça jeans justa,com alguns rasgos nos joelhos,e uma blusa caida nos ombros,da cor azul-marinho.Para complementar,fiz um make um pouco mais claro do que de costume,em tons de branco e azul,coloquei algumas pulseiras básicas,e muito aneis,do jeitinho que eu gosto.
Deixei meus cachos soltos e bem marcados...
Saí do banheiro,depois de mais de meia-hora.
Por sorte,a cama já estava arrumada,e as cortinas,e a porta que dava acesso a varanda,já estavam abertas...
O céu estava claro e cheio de nuvens...olhando da varanda,vi muitos prédios,casas antigas,e a famosa ponto.
Olhei em volta.Não vi Diego.
Definitivamente não estava no quarto.
Estava quase na hora do café-da-manhã,que no hotel era servido as 8 em ponto.Olhei no relógio,7:43...
Pensei em sair para tomar o café,e deixar Diego para trás...Mais,acabei ficando a espera dele...
Menos de 2 minutos depois,ele chegou no quarto...

(Roberta):Aonde voce estava?Eu fiquei preocupada...
(Diego):Eu fui buscar isso...-Ele disse mostrando uma bandeja,com tudo que se pode imaginar para um café-da-manha.
(Roberta):Pra mim?-Eu disse,me virando para ficar de frente pra ele,já que o proprio tinha sentado na cama,ao meu lado.
(Diego):Eu fiquei com medo de voce ficar brava por eu ter te acordado...
(Roberta):E eu ia ficar mesmo...
(Diego):Ia?Quer dizer que não vai mais?
(Roberta):É claro que não...eu to morrendo de fome...-Eu disse já de olho em alguns pãezinhos de queijo,quentinhos,que estavam na bandeja.
(Diego):Percebi...-Ele disse e eu lhe dei um leve tapa no ombro.Mais mesmo assim,segundos depois,já estavamos tomando café-da-manhã...

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário