05/08/2012

Autora de “Rebelde” pode ser Substituída


Margareth Boury, autora da versão nacional de “Rebelde”, deixou o folhetim nas mãos de Emílio Boecht para tirar algumas semanas de férias e cuidar da sua saúde. Mas se o núcleo infantil que Emílio introduziu na novela emplacar, ele vai ficar no lugar de Margareth.

O núcleo de crianças foi introduzido na trama para tentar barrar o sucesso de “Carrossel”.

Vale lembrar

“Rebelde” não é o primeiro fracasso da carreira de Margareth. A autora no ano de 2006 assinou um folhetim teen que tem muitas semelhanças com sua atual novela. “Alta Estação” focava na vida de seis universitários e seus conflitos do dia-a-dia, a trama tinha roteiro muito parecido com “Malhação” e saiu do ar devido a baixa audiência. Era exibida às 17h e costumava marcar na faixa de 3-4 pontos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário