11/08/2012

"Consequência do Destino"


Capitulo 14 e 15


Depois de dar um tapa em Tomás, Carla começou a chorar :

Vc não vale nada . - Gritava Carla para Tomás
Pérola se meteu e deu um tapa no rosto de Carla. Carla partiu para cima dela e as duas começaram a rolar no chão do pátio da faculdade , Carla deu muitos tapas no rosto de Pérola até que Pedro e Diego seguram Carla e Tomás Pérola.
Pérola estava com o rosto todo vermelho e o cabelo bem bagunçado, todos que estavam ali ficaram indignado com a confusão.
Ta vendo Tomás o que vc fez ? Falava Diego irritado
Calma cara , eu não tenho culpa . Falei rindo.
Ta se divertindo seu idiota, pois nunca mais olha na minha cara. -Gritava Carla saindo correndo, Roberta e Alice foram atrás dela ; mas não conseguiram alcançaram a amiga . Carla entrou num taxi e foi embora. Na faculdade Tomás se explicou para Diego que disse que não iria se meter.


POV Carla

Entrei no primeiro táxi que vi na minha frente,fui para praia , sentei na areia e fiquei ali um bom tempo ,pensando na minha vida e até mesmo chorando.
Como o Tomás teve coragem de fazer isto comigo , como eu fui burra ,como pude acreditar que o garoto mais galinha do mundo estava apaixonado por mim , que ódio de mim.

Anoiteceu rápido, já eram 21:00 hs eu ainda estava ali ; já tinha recebido trezentas ligações lá de casa, das meninas e até mesmo do Tomás.

Quando deu 22:30 fui embora, peguei o taxi e parei na frente de casa entrei e estavam todos a minha espera.

Carla vc ficou louca? - gritou minha mãe
Não. - falei ( não queria muito papo)
E vc fala assim com essa tranquilidade, aonde vc estava? Gritava minha mãe ainda.
Estava na praia , vou subir , quero ficar SO-ZI-NHA! Fale subido as escadas.
Deixa ela , amanhã ela acorda melhor .- falava Diego olhando Tomás
Eu não sabia que ela ia aparecer na faculdade. -falava Tomás
Mas deveria saber .- falou roberta.
Alice descidiu ir embora , afinal Carla estava bem, Roberta ,Pedro e Tomás foram também. Diego segurou Roberta e disse que queria falar com ela.
Que foi ? Falava Roberta sem paciência
Calma , só quero te pedir desculpa! - falei
calma nada vc e os seus amiguinhos já curtiram muito com a minha cara e das meninas. - falei irritada
Como que é? - não tinha entendido
vou te explicar, vc dá em cima de mim, depois leva outra para o shopping, faz o seu amigo fazer quela cachorrada com a minha amiga e se faz de desentendido , me poupe! - falei saindo pela porta.


POV Diego

Acho que eu fiz burrada mesmo, primeiro quase fico com a Roberta, levo outra para o shopping, em dos meus melhores amigos brinca com os sentimentos da minha irmã, acho melhor eu ir dormir mesmo. Só espero que a Carla não fique doente por causa disso, toda vez que ela tem um problema ela fica sem comer, fica em depressão da ultima vez que isso aconteceu ela fico interna 1 mês.. ..


Capitulo 15


POV Carla
Acordei com uma indisposição, eu estava com muita olheira , afinal eu não dormir a noite só chorei e vomitei . Meu irmão não pode saber disso , porque eu fiquei 1 mês internada no hospital. Eu acho que eu estou ficando depressiva de novo. Nem fui para escola hoje.


POV Alice

Achei super estranho a Carla não ter vindo a aula hoje, mais tarde eu e a Roberta vamos até a casa dela , preciso saber o que esta acontecendo com minha amiga. Agora eu vou para aula de química .

Narrador observador

Carla estava em casa , passou o dia trancada no quarto e chorando; nem desceu para comer.


POV Carla

Passei o dia inteiro trancada no meu quarto chorando muito e com raiva de mim mesma , eu nunca poderia te beijado aquele garoto que no outro dia já estava com outra. Eu estava ali com os emus pensamentos e com raiva de mim , quando escuto alguém batendo na porta do meu quarto, era a Tereza a empregada que a considerava como mãe , afinal ela me criou, ela me disse que eu tinha uma visita quando estou descendo vejo da ponta da escada que era Pérola.

Oi, piriguete - disse Pérola
Tem certeza que sou eu? - rebati
Eu que não sou – Ela respondeu
Claro que é , vc agarra ele num dia e depois tava se pegando com ele na porta da faculdade , se vc não é pireguete é o que? - falei encarando ela
Tudo bem , agarrei e beijei, o beijo foi maravilhoso – disse e vi a cara que ela fez.
Bom para vc , o que vc veio fazer aqui?
Eu vim curtir com a sua cara ,afinal o Tomás agora é meu – falei rindo
É , faça bom proveito -falei
bom proveito? Ótimo – sai rindo


POV Carla
A visita daquela garota me deixou passada que cara de pau a dela , vir até minha casa e me provocar, aquela sem noção ( ai que ódio).
Droga , que ódio; senti uma vontade de vomitar eu fui correndo para o banheiro, vomitei tudo que tinha comido ,ou seja, nada e vomitei até sangue.
Derrepente eu senti uma tontura e perdi completamente o sentido e desmaiei .

Narrador observador

Os meninos e as meninas entravam na casa , e perguntavam por Carla , Tereza disse que ela estava no quarto eles subiram atrás e quendo entraram no quarto gritaram por ela e Diego descidiu ir até o banheiro e encontrou Carla desmaia no chão, Diego começa a gritar por socorro.

Gente , corre aqui a Carla tá desmaia .
Todos correram para o banheiro e se depararam com Carla nas pernas de Diego totalmente desacordada...



Continua....





5 comentários:

  1. POSTA MAIS +++++++++++++++++++++++++++ POSTA MAIS, NÃO DEMORA PRA POSTA . TO CURIOSA
    WEB MUITO BOA !

    ResponderExcluir
  2. eu estou adorando a web novela, esta muito boa, mas o que a carla teve ao desmaiar no banheiro, e ela va perdoar o tomas, a roberta, vai perdoar o diego, posta mais, por favor.

    ResponderExcluir
  3. +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  4. psta ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++amei amei amei

    ResponderExcluir
  5. mariana #rebelde capetinha#13 de agosto de 2012 12:34

    doidinha mesmo mas o tomas ñ deveria ter beijado a idiota da perola ne se ele sabe que a carla gosta dele ele vai la e faz isso com ela ñ tem perdão o que ele fez com ela tadinha dela vai sofre pq ele é um maior galinha.

    ResponderExcluir